Busca nas traduções no Launchpad

Como diria o José Vitor, isso é a melhor coisa que inventaram desde o pão de forma!

Há um bom tempo sentíamos falta de uma busca por strings nos pacotes para tradução no Launchpad. Hoje li no Planet Ubuntu que colocaram um campo de busca para isso…

[launchpad search]

A busca funciona tanto para frases originais quanto para frases traduzidas. Isso vai facilitar muito a correção de tradução dos programas.

E se você vir um erro de tradução em qualquer programa no Ubuntu, não deixe de dar um grito para o time de tradução.

Ajude o Firefox a entrar no Guinness

Download Day 2008

…simplesmente fazendo um download!

As campanhas publicitárias do Firefox são muito boas! Agora eles querem entrar para o Guiness como o software mais baixado em um dia.

“Tudo o que você precisa fazer é baixar o Firefox 3 durante o Download Day – é fácil assim. Não estamos pedindo que você engula uma espada ou equilibre 30 colheres no rosto ao mesmo tempo – apesar de que isso seria incrível.”

Participe! Confirme no site que você vai ajudar e você receberá um aviso quando chegar a hora de baixar.

Uma outra idéia legal que estão incentivando é fazer uma Festa de Download em sua escola ou escritório, onde todos baixam o firefox ao mesmo tempo…

Espero que a largura de banda deles dê conta do serviço… :)

Suporte a Multi-Touch no Xorg

[MPX: Servidor X com suporte a multi-touch]

Lembram do MPX, um suporte a multi-touch open source que comentei aqui no blog há um tempo atrás?

Segundo o Br-Linux.org, o MPX foi integrado ao Xorg ontem. Segundo o texto ele “permite touchscreens com múltiplos toques e múltiplos mouses com múltiplos cursores que podem ser plugados e desplugados sem reiniciar o X”.

Enquanto isso, podemos dizer que o Surface daquela empresa virou “o fantasma do natal passado”…

CESoL-CE cadastra sugestões de palestrantes

Atendendo a pedidos, vou repassar a notícia abaixo:

Visando obter uma maior participação da comunidade na definição da estrutura do Congresso Estadual de Software Livre do Ceará (CESoL-CE), a equipe de organização do evento está disponibilizando um Formulário, no qual podem ser indicados nomes de palestrantes a serem convidados para o evento.

O sistema serve para que os interessados sugiram um ou mais nomes de pessoas que podem contribuir de forma positiva com o evento, o que não significa que estas pessoas serão necessariamente convidadas para o mesmo. Vale ressaltar que qualquer palestrante pode ser sugerido, independente de seu local de origem e do reconhecimento que este possua.

O prazo para o envio de sugestões segue até o dia 20 de Junho de 2008. Após esta data, a comissão organizadora do evento deverá analisar todas as sugestões e iniciar os convites aos nomes selecionados. Posteriormente, será disponibilizada no site a lista dos nomes que serão convidados.

Serviço: O CESoL-CE acontece de 19 a 23 de Agosto de 2008, em Fortaleza(CE) e terá como tema “Cultura Livre e Difusão do Conhecimento”. O evento tem uma proposta diferenciada, na qual busca promover tanto atividades práticas (Maratona de Programação Livre, Olimpíada de IA, Robótica Livre,etc) quanto estimular a reflexão através de palestras e debates.

Para acessar o sistema de sugestões acesse: http://www.cesol.ufc.br/sugestao/

IMPORTANTE: A sugestão de palestrantes não deve ser confundida com a chamada pública de trabalhos para o evento, que será divulgada em breve!

Att,
Equipe de Organização do CESoL-CE
http://www.cesol.ufc.br

PS: Quando vi essa notícia pela primeira vez já corri lá e sugeri duas pessoas que estão relativamente perto de lá: o Fábio Nogueira (pelo trabalho com traduções) e o Jonh Wendell (o pai do Vinagre, e pelo desenvolvimento em geral).

Amora em um Nokia 6110

Como já comentei em outros posts, Amora é um projeto “supimpa” de uso de celulares com bluetooth como controle remoto de aplicações. Até então eu não tinha brincado com ele, por ter um celular modesto, mas tive a oportunidade de fazê-lo funcionar em um Nokia 6110 e abaixo relato minha experiência.

O Amora roda em celulares Nokia, plataforma S60, que executem o interpretador Python (que eu achei uma maravilha isso existir).

A instalação é extremamente simples (só seguir pelo site do projeto). Resumindo, você instala o pacote .deb do amora-server no seu ubuntu e o amora-client.sis em seu celular.

ATENÇÃO: O servidor roda tranqüilamente no Ubuntu 7.10, mas o 8.04 está com problemas no suporte ao bluetooth, por isso o Amora não roda nele (acompanhe o bug aqui). De resto, o suporte bluetooth do 8.04 está bem legal, perfeito para troca de arquivos, para usar o bluepad, etc.

ATUALIZAÇÃO: Veja esse comentário novo no Launchpad a respeito do bug (não testei ainda):

The issue seems to be the same as here https://bugs.launchpad.net/ubuntu/+source/bluez-utils/+bug/211252, and it has been fixed, we just have to wait for the updates to reach Hardy

Meanwhile this can be fixed by using the bluez-utils package from Debian Sid:
http://packages.debian.org/sid/i386/bluez-utils/download

Voltando ao assunto, depois de instalado, execute o comando em seu computador:

$ amorad

Você vai ver no terminal que ele estará pronto para conectar-se ao celular. Então, abra o Amora no celular, clique em Opções e selecione o computador a se conectar. A partir daí, você pode controlar apresentações, tirar screenshots da tela do computador para a tela do celular, e outras cositas mais…

Sugestão: conheça o projeto, divulgue, colabore…

13 de maio: Liberte-se

[Liberdade]No dia 13 de maio comemoramos (no Brasil) a libertação dos escravos. Aproveite a data e liberte-se.

Se você ainda depende (está preso) em software proprietário, faça um teste: Fique uma semana usando apenas software livre. E não deixe o dual boot nessa semana, senão quando surgir uma dificuldade você vai correr para o outro sistema e vai deixar de aprender.

Conheça o Ubuntu, se divirta com a documentação em português e até aproveite para relaxar e brincar.

E veja no Tux Vermelho por que gostamos de software livre

Mark Shuttleworth fala a respeito das liberações de versões do Ubuntu

O grande Mark Shuttleworth (SABDFL) escreveu um post a respeito das liberações de versões do Ubuntu. Leitura obrigatória.

Muita gente me pergunta sobre quando vem a próxima versão LTS, qual o tempo entre uma e outra, etc. Até agora, a informação é de que a versão LTS não tem uma data prevista e o chute era de que seria na 10.4, seguindo a lógica de que a segunda versão LTS veio dois anos depois da primeira. Nesse post o mark afirmou: A versão 10.4 será LTS (em abril de 2010).

Ainda, disse que a partir de agora as versões LTS terão mais “sub-versões” regulares. Três meses depois do lançamento da LTS sairá uma versão atualizada. Depois dessa sairá uma nova a cada seis meses até que o próximo LTS venha. Veja o gráfico explicando:

ubuntu-release-cycle

Por fim, terminou dizendo que aceitaria mudar o calendário de lançamento do Ubuntu se outras distribuições topassem em sincronizar os calendários, pois isso seria extremamente benéfico para os usuários, projetos e distribuições.

Bom, aqui foi só uma idéia do que ele disse. Se quiser, veja o texto na íntegra para entender melhor.

Interessado em aprender mais sobre o Ubuntu em português?
http://www.ubuntu-br.org/comece

Usando um Nokia 6110 no Ubuntu

Um dos meus últimos posts foi sobre como usar seu celular como um controle remoto no Ubuntu. Nele, eu expliquei como usar um celular simples (desde que tenha java e bluetooth) como controle para apresentações no OpenOffice.org, jogos, etc.

Hoje eu brinquei com um celular mais avançado, o recém lançado Nokia 6110. Já tratei de brincar com transferências de arquivos e outras cositas… Vou dizer de forma simples como conectá-lo em seu Ubuntu…

Usando o cabo de dados

Usando qualquer cabo USB -> mini-USB (o celular já vem com um desses), você espeta o cabo no celular e o outro lado no computador. O celular vai te perguntar o tipo de conexão. Você escolhe “transferência de dados”.

E voi lá, o Ubuntu o monta como um drive no sistema no lado esquerdo, como se fosse um pen drive.

Usando bluetooth

Pelo applet de gerenciamento do bluetooth do Ubuntu (aquele pequeno que fica perto do relógio), você clica com o botão direito e escolhe “Explorar dispositivo…”. Seleciona o celular e responde no celular aceitando a conexão (ele pede uma senha que você define na hora para a conexão). E voi lá também, o Ubuntu o monta como um drive no sistema no lado esquerdo do Nautilus, como se fosse um pen drive.

Gostei mais da opção pelo bluetooth. Tanto pelo fato de não usar um cabo, quanto pelo fato que ele te dá a opção de acessar a memória do celular e o cartão de memória do celular separadamente.

Resumindo, o Ubuntu tá cada vez mais fera nessa área. No próximo post vou relatar minhas experiências com o Amora nesse celular.