Livros: Leu? Passe a diante

Uma vez ouvi na rádio que a melhor coisa para fazer as pessoas lerem é jogar um livro no chão. A curiosidade se encarrega do resto. Nessa época escrevi aqui no blog sobre o projeto Perca um Livro.

Hoje vi um outro projeto interessante no blog Pensa Rics, pensa: o Trocando Livros. É bem simples, você se cadastra (rápido) e divulga os livros que quer trocar, quando alguém quiser seu livro você envia pelo correio e ganha um crédito para pedir um outro livro… Vou testar.

É menino!

É menino!!! Mateus!

A gente descobriu há um tempinho, mas fiquei sem internet um tempo, mas daí já decidimos o nome nesse tempo e até fiz a obra de arte acima na areia de Guaratuba (infelizmente o mar já levou…).

Olha só como descobrimos:

Na verdade esse exame deu uns 90% de chances de ser menino, mas várias pessoas que fizeram lá dizem que eles nunca erram… Semana que vem vou ter uma foto melhor do Mateus…

E já vou começar o processo para ele ser aceito como membro do Ubuntu… 😀

Acordo ortográfico gerando confusão

Muitas pessoas ainda andam bastante confusas por causa do novo acordo ortográfico. Bom, para ajudar vou dar uma dica importante sobre os acentos: Nenhuma palavra ganhou acento, o que existe são palavras que perderam o acento, como “ideia”…

Viajando, pude perceber essa confusão em placas de trânsito. Veja essa:

A placa diz: “Curva acentuada”. Isso é um erro. “Curva” continua sem acento (pela dica que eu dei acima).

Teve uma outra placa (acabei não tirando foto) que dizia: “Mantenha a direita”. Se quisesse me dizer para ficar na faixa da direita, deveria estar escrito: “Mantenha-se à direita”. O hífen não morre nesses casos. Quando li “Mantenha a direita” fiquei em dúvida se a ordem era para eu não arrancar a minha mão direita ou para não arrancar a parte direita do carro….

Alguém tem ideia (sem acento)?

Estou de volta

Andei meio sumido ultimamente, mas foi por uma boa causa: Muito sol, areia e água de coco.

Agora estou de volta tentando colocar as coisas no lugar…

Ah, abaixo tem uma recordação da praia. Com muita imaginação você vai perceber o símbolo do ubuntu que desenhei na areia…

Me disseram que parecia mais uma marca deixada por um disco voador…

Tas, essa é para o Top Five!

Tas, eu sei que você está curtindo suas férias do CQC, mas essa merece ir para o Top Five! Eu vou até pedir para quem lê o meu blog ajudar a mandar esse link (http://andrenoel.com.br/2009/01/12/tas-essa-e-para-o-top-five/) para o seu e-mail (blogdotas arroba uol.com.br e topfive arroba cqc.com.br)…

Olhe a foto acima. O tal do Michael Bublé estava falando sobre as mulheres brasileiras (vide foto) e a repórter “traduzindo”, dizendo que ele estava elogiando as brasileiras… Cômico.

Assista a partir de 04:30.

17: Dia de corinthiano doar sangue!

Todo mundo sabe como é linda a paixão corinthiana… Agora essa paixão vai ajudar a salvar vidas. Corinthianos por todo o Brasil, vistam suas camisas alvi-negras e doem sangue para ajudar outras pessoas. Seguem abaixo o texto da página do movimento e um vídeo:

O idealizador da idéia é Milton Oliveira, 21 anos, doador voluntário de sangue desde 2005. Ele viu na inexplicável paixão e união da torcida corinthiana a chance de contribuir para salvar vidas. Campanhas incentivando os corinthianos a doarem sangue já haviam sido lançadas por torcidas organizadas e fazem sucesso até hoje. Mas a grande maioria dos torcedores que não pertence a uma organizada, não tomava conhecimento da campanha e não conseguia colaborar.

Como não faz parte de nenhuma torcida organizada, Milton criou uma comunidade em um site de relacionamento Orkut (Dia de Corinthiano doar Sangue, http://www.orkut.com.br/Community.aspx?cmm=53429090). Apoiado por amigos, fez sua divulgação na Internet. A aceitação e o apoio foram tão grandes que Oliveira viu a necessidade de criar um site para atingir os torcedores que não possuem cadastro no Orkut. Daí nasceu o site www.sanguecorinthiano.com.br, que além de cadastrar os participantes da campanha vai exibir fotos e vídeos dos eventos.

Hoje a campanha tem apoio do clube, do departamento Social da Gaviões da Fiel, da Camisa 12 e equipes de organização e diversas frentes espalhadas pelo Brasil.

“Não importa se você é torcedor de arquibancada, de torcida organizada ou acompanha o Timão só pela TV. O importante é fazermos nossa parte na sociedade, doar um pouco do sangue corinthiano que corre em nossas veias. Vamos combinar um dia para vestirmos nosso manto sagrado, doar sangue, salvar vidas e mostrar ao Brasil o poder de nossa torcida”, declara. “Da mesma maneira que nos unimos para empurrar nosso time, que levantamos bandeiras e faixas de protestos, que gritamos amor eterno da arquibancada e com a mesma fé que pedimos para que os jogadores dêem sangue por nosso Corinthians, podemos abraçar essa causa”, finaliza.

Veja onde vai ter em sua cidade e não deixe de ajudar. Se não tiver em sua cidade, vista sua camisa e vá assim mesmo. Não esqueça de fotografar…

Vamos aproveitar para fazer uma festa pela vida.

Adeque-se ao novo português!

Ano novo, vida nova, língua nova… Dentre as resoluções de ano novo você já incluiu “aprender a escrever em sua nova língua”?

Não se preocupe, não foi muita coisa que mudou com o Acordo Ortográfico. Mas, resolvi dar algumas dicas para você não errar no dia-a-dia (ou será “dia a dia”?).

Bom, a partir de agora não se usa mais “Eu vou vim”, e sim “Eu vou vir”, porque “vim” era o único verbo no infinitivo terminado em m.

“Nóis vai” torna-se “Nós vamos”.

“Pobrema” foi rearranjado para virar “Problema”.

E banem-se os “XxXxX” nos finais de palavras no orkut.

😀

Bom, piadinhas à parte, seria bom se esse último fosse verdade.

Fugindo da ironia e voltando ao acordo ortográfico, vi uma notícia reconfortante na TV que dizia que não há um consenso ainda sobre as mudanças e que um dicionário “correto” sairá em fevereiro.

Enquanto isso, você pode aprender bastante com a tabela que divuguei aqui no blog há um tempo atrás e com a tabela disponibilizada no jornal hoje. No link que coloquei aqui no blog também tem o acordo ortográfico completo.

Ah, você já pode usar um corretor ortográfico atualizado para o OpenOffice.org e para o Firefox. Baixe no site do Broffice.org.br. Essa é uma das maravilhas do software livre.