1298244854_firefox

Comparação entre navegadores

A batalha entre os navegadores está voltando a ficar mais acirrada. Por isso, usando métodos extremamente científicos e obscuros, fiz um levantamento das características dos navegadores e apresento na tabela comparativa abaixo:

Atualização: gostei do adendo no comentário do felipelm:

Fernão de Magalhães – Safari – Descobriu as ilhas da Oceania, um território que se acha “novíssimo mundo” e fica meio à parte dos demais.

36 opiniões sobre “Comparação entre navegadores”

  1. só não ficou melhor porque ignorou o primeiro navegador que existiu, o Mosaic, que talvez fossem os vikings que navegaram o mundo em tempos antigos, sem saber direito para onde iam, nem porque o faziam…

  2. Fernão de Magalhães – Safari – Descobriu as ilhas da Oceania, um território que se acha “novíssimo mundo” e fica meio à parte dos demais.

  3. Andre ficou muito boa esta analogia, brilhante sacada!
    O Chrome como Jack Sparrow ficou demais! ri muito!
    Parabéns!

  4. Pingback: Bobalinks
  5. E assim como o Sparrow, o Chrome nao passa de um navegador de mentirinha, que parece ser foda, no entando nao passa da gecko do Firefox afrescalhada!

  6. Me admira muito uma pessoa que se apresenta com tanta formação e conhecimento escrever uma palhaçada dessas sobre o Opera. Inovação é com o Opera. Gostaria que alguém me apresentasse alguma inovação criada pelo Google que tenha repercutido tanto nos outros browsers fazendo com que eles o copiassem. Façanhas inexplicáveis no Chrome? Vejo isso direto do Google, que faz coisas que só rodam no Chrome, forçando as pessoas a usarem-o e tentando forçar o mundo a se adpatar ao Chrome.

  7. O que me admira mesmo são pessoas que não apreciam o humor. Vamos lá explicar para os lentinhos:

    – Opera é um “navegador machão”: Navegador bom, potente, bem feito, “parrudo”
    – “Deu a volta na África”: Fez o que ninguém tinha feito antes, viu um caminho novo a trilhar, passou por cima de um monte de desafios, inovou, etc.
    – “Não foi tão relevante e não conseguiu alavancar”: Apesar de ser machão, não é o preferido e não é muito usado (comparado com os outros). Tente contestar isso.

  8. Primeiramente: Humor eu tenho de sobra. Mas para rir como isso, só sendo doente mental.
    O que você entende por relevante para comparar com “machão”?
    Relevante é o que tem importância, que se destaca. E o Opera, como você não sabe, é o mais inovador e mais copiado do mundo. Se não conseguiu alavancar é por causa de pessoas como você que não o usa e dão opinião sobre “o que ouviu dizer”. Eu não contesto sua opinião final, uma vez que a maior parte da massa de internautas são manipulados como os telespectdores de televisão.

  9. Rapaz, o fanatismo ronda todo tipo de assunto, não é verdade?!
    Eu amo de paixão o Firefox por tudo que representa e as conformidades com minhas ideologias e princípios, entretanto, tenho utilizado mais o Chromium por estar bem mais rápido e eficiente. Mas, claro, mantenho os dois em minha outra paixão favorita, meu Debian. rsrs
    Parabéns pelo humor!

  10. Muito bom. Só esperava um pouco mais do Firefox, por ser uma comunidade livre. E deu pra ver que você prefere o chrome.

    Só para informações: você esteve na latino ware, mas não sei se viu a palestra sobre o Firefox OS. Foi ótima a palestra. A comunidade mozilla está desenvolvendo APIs em Javascript que são inovadoras. Nessa linguagem de manipulação de dados que “enfiamos” em nossos códigos HTML, o Firefox está na frente.

    Como defensor do linux não nego minha preferência pelo Firefox.
    Viva o linux!
    Viva o software livre!
    Viva a comunidade mozilla!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *